Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




à noite

por sacha hart, em 23.08.13

Deitadas lado a lado, acompanhadas somente pelo luar que reflectia pela janela, encontraram-se novamente. Entre sussurros e murmúrios, voltaram a confidenciar - hábito esse que tinha desaparecido nos últimos tempos. No dia a dia estavam separadas e distantes, por serem tão ímpares e terem ritmos diferentes. Uma era tudo aquilo que a outra desejava ser. Mas entre confidências francas e fraternais, entenderam-se uma à outra. Estavam erradas em alguns pontos, unidas noutros. O tempo tinha-as feito esquecer que haviam crescido juntas, partilhado a infância como irmãs. E nesta noite, quando a madrugada já ia avançada e um certo sentimentos de nostalgia as invadia, perceberam que por muito que a vida tivesse mudado (as mudado às duas também) eram família, eram amigas do coração e, mesmo que não parecesse, poderiam sempre confiar uma na outra. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:35


1 comentário

Imagem de perfil

De lostdreams a 24.08.2013 às 14:43

obrigada :)

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.




Lisboeta de 20 anos a aventurar-se em Erasmus. Blogger, leitora e pseudo-escritora nos tempos livres. Entusiasta e sonhadora.


+ sobre mim

→ seguir perfil




Mensagens

Design Portefolio


Facebook Page



feed