Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Leituras // Julho

por sacha hart, em 30.07.15

Julho revelou-se muito produtivo em leituras. 7 é o número, e também o mais elevado do ano até agora.

   

  

 

 

 

1. An Abundance of Katherines de John Green

Devo confessar que, sendo este o quarto livro do escritor que leio, fico cada vez menos interessada nas obras de John Green. The Fault in Our Stars arrebatou-me, mas tudo o que se seguiu não me impressionou. Foi o que aconteceu com An Abundance of Katherines. É um livro que se lê bem, é engraçado e com personagens agradáveis, mas que, na minha opinião, não enrola o leitor numa espiral de curiosidade e ansiedade em ler tudo de uma vez. Partindo da premissa de um rapaz que já namorou 19 vezes com raparigas chamadas Katherines, pensei que o livro tratasse algum conflito mais elaborado do que um simples coração partido e uma viagem entre amigos. Fiquei ligeiramente desapontada. Anda assim, foi uma leitura agradável. 

 

2. Um Desastre Maravilhoso de Jamie McGuire

Queria ler este livro à tanto tempo, desde a altura em que a Joanna mo aconselhou. Fiquei viciada logo nas primeiras páginas. Um Desastre Maravilhoso aborda uma história de amor incomum, a fugir um pouco aos clichês a que estavamos habituados. Travis Maddox é um bad boy assumido e Abby Albernathy é uma rapariga aparentemente simples, mas que lhe desperta a curiosidade. Soa muito clichê, eu sei, mas na verdade as coisas não são bem como aparentam. Ambas as personagens têm personalidades fortes e passados por revelar. A história do livro é giríssima e faz o leitor agarrar-se às páginas do livro com vontade de não parar de as ler. Rendi-me ao livro, rendi-me à escrita de Jamie McGuire e rendi-me aos Maddox. Favoritos. Recomendadíssimo! 

 

3. A Caminhar para o Desastre by Jamie McGuire

Sem ler o assunto do livro, pensei que isto se trataria da continuação de Um Desastre Maravilhoso. Enganei-me bem! Este livro é exatamente a mesma história do livro anterior, só que desta vez sob o ponto de vista do protagonista masculino, Travis Maddox. Obviamente, não adorei a leitura desta livro pelo simples motivo de já saber tudo o que se ia passar, assim como os diálogos que são iguaizinhos ao anterior. No entanto, como adorei o Travis Maddox, foi muito bom ter a sua visão no decorrer da história e compreender melhor algumas das suas atitutdes que ficaram por explicar no livro anterior. O fim compensou, pois acrescenta um pedaço de história no futuro que não é mencionado no fim de Um Desastre Maravilhoso. Por isso já sabem, esta é uma leitura dispensável para quem leu Um Desastre Maravilhoso, mas ainda assim é maravilhoso de se ler.

 

4. Não Te Conto o Meu Segredo de Samantha Young

"O melhor romance desde as Cinquenta Sombras de Grey."  Por norma, fico sempre com um pé atrás quando um livro é recomendado com esta referência. O lado positivo é que estes livros acabam sempre por se revelar bastante diferentes do 50 Sombras e, ainda mais, consigo gostar mais deles do que desse! Este foi o primeiro livro de Samantha Young que li e fiquei com vontade de ler mais. A história não é nada de outro mundo, mas ainda assim cativa ao leitor (com a ajuda de certas personagens intensas como Braden Carmichael haha). No geral gostei, embora o livro tenha tido os seus prós e contras. Vou sem dúvida ler mais desta série!

 

5. Levado pelo Mar de Nora Roberts

Ora, este livro é o inicio da saga Baía de Chesapeake da Nora Roberts. Sobre a escritora já não tenho nada de novo a  dizer. É maravilhosa, tem uma escrita cativante e uma imaginação criativa. Nesta história, Nora Roberts traz-nos um dilema familiar com direito a mistérios, sedução e aprendizagens pessoais. Cameron Quinn foi outrora um rapaz marcado pela miséria, mas conseguiu sair por cima e tornar-se um campeão mundial. Volta a casa, numa vila pacata dos Estados Unidos, e aí a morte do pai altera por completo os seus planos. Cameron vê-se obrigado a ficar e a refazer a sua vida com um miúdo de dez anos, Seth, para educar. Anna Spinelli, a assistente social, aparece na vida dos Quinn...mas o impacto bate mais forte em Cameron. São os dois personagens divertidas e sensuais. A história dos dois é uma maravilha de se ler!

 

6. Marés Altas de Nora Roberts

Este livro é a continuação do livro  anterior, mas desta vez retrata a história de Ethan Quinn, um pacato pescador, e de Grace, uma mãe solteira que está no caminho de reerguer a sua vida. A história de amor destes dois é enternecedora. Gostei muito deste livro.

 

7.  Porto de Abrigo de Norta Roberts

O terceiro desta saga é Porto de Abrigo e cabe a outro dos Quinn, Phillip, lidar com o dilema de se apaixonar....pela mulher que os arrisca a perder a guarda de Seth, o quarto irmão adoptado dos Quinn. É neste livro que são reveladas as respostas para os mistérios que desde o primeiro livro andamos curiosíssimos por ler! 

Só me falta mesmo ler o último livro que tem como protagonista o Seth, mas sei desde já que o vou adorar tanto como adorei estes três. 

+ Charada de Julianna Morris (Livro Harlequin)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:55


5 comentários

Imagem de perfil

De a 30.07.2015 às 18:44

Amei o livro da Samantha Young!
E essa saga da Nora, aeoshfirog, sem palavras *---------*
Imagem de perfil

De lostdreams a 30.07.2015 às 21:05

Eu não acho nada demais os livros do John Green e já li vários dele, o que mais gostei foi a culpa é das estrelas, e depois os outros não achei nada demais. Por vezes acho um exagero a maneira como falam dos livros dele, como se fossem o melhor de tudo.
Estou desejosa de ler Um desastre maravilhoso! Também me foi sugerido pela Joana e está na minha lista de livros para ler :p
Imagem de perfil

De • Smartie a 30.07.2015 às 22:53

Desses daí só li o primeiro e gostei :) No entanto, quero ler todos os restantes :p
Beijinhos
Imagem de perfil

De hope a 31.07.2015 às 13:25

Concordo contigo em relação ao John Green.. Antes de ler o Fault in our stars li dois, o Paper Towns e o Looking for Alaska, mas confesso que me fartei um bocado da escrita dele, é um bocado repetitiva e em todos os livros "é sempre o mesmo". Falta qualquer coisa. Mesmo assim são livros que se lêem muito bem e o fault in our stars é um dos meus favoritos :)
Imagem de perfil

De Joanna a 03.08.2015 às 21:34

aww já leste o livro e.e e fico feliz por teres gostado, eu achei que era um livro dentro do teu género e que ias gostar, diz-me lá agora que leste se não faz tanto lembrar algumas coisas de ulises e ainhoa? e.e a mim faz e ainda por cima há montes de videos no youtube em que metem o mario e a blanca a fazer de travis e de abby e.e ainda bem que gostaste e beijinhos c:

Comentar post




Lisboeta de 20 anos a aventurar-se em Erasmus. Blogger, leitora e pseudo-escritora nos tempos livres. Entusiasta e sonhadora.


+ sobre mim

→ seguir perfil



Life Abroad



Mensagens

Design Portefolio


Facebook Page



feed