Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Erasmus Diaries // Budapest

Já estou em contagem decrescente para começar esta minha nova aventura pela Hungria. Faltam 12 dias para partir e tenho ainda de tratar de uma série de coisas (leia-se: tudo!). No entanto, e para tentar aliviar algum do meu stress, decidi compilar um top das coisas que tenho vontade de encontrar em Budapeste durante a minha estadia de quatro meses nesta cidade. São das coisas mais triviais, mas são estas que me fazem sentir mais perto do conforto e da rotina que tenho aqui no nosso país, por isso, sem mais demoras, aqui vai:

 

Voluntariado

Ainda não vos tinha dito aqui, mas a minha maior motivação em escolher Budapeste como destino de Erasmus era a possibilidade de fazer voluntariado em prol dos refugiados. No entanto, a situação do mesmos tem-se vindo a alterar no país e talvez realizar esta minha vontade seja mais complicado do que esperara, mas mesmo assim tentarei. Se não for com refugiados, será sem dúvida junto de outras pessoas.

 

Bibliotecas ou livrarias com livros em inglês

O húngaro é, provavelmente, uma das línguas mais estranhas do mundo e impossível de aprender no curto tempo em que lá estarei. Impossível seria ler nesta língua e eu preciso desesperadamente de livros para me acompanhar. Em último caso, terei de me resolver com e-books, mas não sou nada fã. 

 

Cinema que passe filmes com legendas

Além de um bom livro, não dispenso um ótimo filme. Sou adepta de noites de cinema mas, tal como lamentavelmente acontece em tantos países europeus, na Hungria têm o hábito de dobrar os filmes. Novamente, é impossível aguentar uma sessão inteira em húngaro, pelo que estou a fazer figas por algum cinema indie que aposte em legendas em inglês, no mínimo!

 

Pastelaria que venda pastéis de Nata

Há quem não acredite em mim quando digo que não sei o que vou fazer à minha vida sem uma dose semanal destas maravilhas (especialmente se forem provenientes da Manteigaria). 

 

Bowling

Não que eu aqui vá ao bowling muitas vezes por ano, mas é dos sítios que mais me faz sentir em ambiente familiar. Divirto-me sempre e acho que seria super giro se pudesse gastar lá umas noites com Erasmus-made-friends.

 

Resumidamente, aqui estão cinco pequenas coisas capazes de me aquecer o coração naquele país frio e distante chamado Hungria. Acho que nunca tinha pensado seriamente no que me faria falta se um dia saísse da minha cidade, do meu meio mais normal. Agora desafio-vos a pensar no mesmo: o que gostariam de encontrar se tivessem de ir viver para outra cidade/país?

 

Erasmus Diaries passa, assim, a ser a nova rúbrica aqui do blog, com direito a logótipo e tudo. O que acham? 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:01


13 comentários

Imagem de perfil

De • Smartie a 13.08.2017 às 17:30

Aii, os pastéis de Nata da Manteigaria! São mesmo uma perdição :D
Beijinhos
Imagem de perfil

De sacha hart a 13.08.2017 às 23:27

A palavra perdição encaixa mesmo na descrição!
Imagem de perfil

De João Jesus e Luís Jesus a 13.08.2017 às 19:47

Obrigado por nos dares a conhecer algumas curiosidades sobre Budapeste!
Imagem de perfil

De sacha hart a 13.08.2017 às 23:28

Muitas mais virão!
Imagem de perfil

De twilight_pr a 13.08.2017 às 20:42

Sem dúvida pontos a salientar, espero que encontres filmes com, no mínimo legendas em inglês e claramente que um e-book não é a mesma coisa que um belo livro, mas mesmo assim acho que sempre vai ajudar :)
Espero que consigas fazer voluntariado enquanto lá estiveres :)

Beijinhos <3
Imagem de perfil

De sacha hart a 13.08.2017 às 23:29

Ebooks vão ser mesmo em último caso, o que provavelmente irá acontecer a dada altura, mas desde que a história seja boa já não me importo!
Beijinho!
Imagem de perfil

De Joana a 13.08.2017 às 22:58

Sem dúvida que uma das coisas que gostava de encontrar era o bom cafézinho português acompanhado de um belo pastel de nata!! ahah!!
gostei muito do post!!
Imagem de perfil

De sacha hart a 13.08.2017 às 23:29

Isso seria um sonho tornado realidade. Vai-me fazer tanta falta a bela pastelaria portuguesa.

Beijinho!
Imagem de perfil

De Sara Carmo a 14.08.2017 às 11:26

Esta rubrica parece-me muito bem. Infelizmente não tive oportunidade de fazer Eramus, mas o facto de teres esta rubrica, faz com que quem ande a pensar no assunto e queira escolher o país ou já escolheu e quer apenas saber como se safar lá, é muito importante. Pelo menos, pelo o feedback que ouvi de uns colegas que fizeram é que gostavam que esta informação estivesse mais reunida num só sítio :)
Imagem de perfil

De Alessia a 15.08.2017 às 03:21

Adoro esta rúbrica! Também gostava de exprimentar erasmus um dia, e creio que os teus relatos vão dar uma ideia de como realmente é! Espero que gostes da tua experiência! Beijinhos!
Imagem de perfil

De wonder girl a 15.08.2017 às 12:35

O que me acontece é que eu tenho ideias, mas depois nunca as acho suficientemente boas para serem escritas. Se o acho, acabo por pensar que nunca serei capaz de as transcrever para uma história de jeito, porque nunca sei como começar. Tenho saudades de quando era mais simples (pelo menos, era o que parecia, por ser tão natural).

Quanto ao anonimato dos blogs, o meu medo é mesmo esse - acabar por me sentir tentada a não publicar tudo e mais alguma coisa do que quero. Há pessoas aqui que sabem quem eu sou, mas não é ninguém com quem eu esteja aqui, "no mundo real". É estranho!
Imagem de perfil

De liz collingwood a 16.08.2017 às 10:43

erasmus diaries fica mesmo giro com rubrica e o logotipo idem :)
Imagem de perfil

De Tuga em Londres a 17.08.2017 às 21:34

Ahhh o Erasmus! Ainda considero com uns dos melhores meses da minha vida, onde fiquei a conhecer tanto e ter tantas novas experiências em apenas 5 meses. Espero que também tenhas uma experiência muito boa. Já viste o filme 'Residência Espanhola?' Se não, aconselho veres antes de ires em Erasmus que vais achar engraçado às semelhanças que encontras quando estiveres a fazer o teu próprio Erasmus

Comentar post




Lisboeta de 19 anos a aventurar-se no segundo ano de faculdade. Blogger, leitora e pseudo-escritora nos tempos livres. Entusiasta e sonhadora.


+ sobre mim

→ seguir perfil





Mensagens

Design Portefolio


Facebook Page



feed